web analytics
26 Ago

Autismo

Autismo- Caracteriza-se por um desenvolvimento acentuadamente anormal ou deficitário da interacção e comunicação social e um repertório restritivo de actividades e interesses. São três os principais grupos de sintomas:

Défices qualitativos na interacção social: Os pacientes apresentam um défice no uso de comportamentos não verbais (como contacto ocular, expressão facial, postura corporal e gestos) reguladores da actividade social, bem como da tendência em partilhar com os outros prazeres, interesses ou objectivos, com consequente incapacidade para participar em actividades sociais (preferindo actividades solitarias) e  estabelecer relações interpessoais.

Défices qualitativos na comunicação verbal também pode ser acentuado, com um atraso ou ausência total de desenvolvimento da linguagem oral, podendo por vezes usar a linguagem de forma repetitiva e ideossincratica.

Padrões de interesses e actividades restritos, repetitivos e estereotipados: Há preocupação absorvente por um dos comportamentos ou interesses repetitivos e ideossincraticos, actividade motora estereotipada e repetitiva (por exemplo sacudir ou rodar as mãos ou dedos).

Muitas vezes está presente um grau de deficiência mental. Podem no entanto estar presentes capacidades especiais, por exemplo uma faclidade progigiosa em fazer cálculos. Podem também frequentemente apresentar episódios de agitação com agressividade contra si ou contra os outros e impulsividade.

O tratamento do autismo envolve intervenções psicoeducacionais, orientação familiar, desenvolvimento da linguagem e/ou comunicação. O recomendado é que uma equipe multidisciplinar avalie e desenvolva um programa de intervenção orientado a satisfazer as necessidades particulares a cada indivíduo. Desta equipa deverão fazer parte médicos psiquiatras, psicólogos, terapeutas da fala e fisioterapeutas. A agressividade contra si ou contra os outros e impulsividade pode necessitar de medicamentos que a controlem.

error: Content is protected !!